PONTO NOVO: PREFEITO PRATICANDO APROPRIAÇÃO INDÉBITA DE PARTE DOS SALÁRIOS DOS SERVIDORES?

Servidores do Município Ponto Novo podem entrar na justiça contra o prefeito Tiago Venâncio.
Tem sido comum, servidores irem a uma agência bancária solicitar um crédito consignado e o banco informar que a modalidade está suspensa. Depois de muito insistir, a informação é que a Prefeitura não tem repassado os valores correspondentes, descontados do pagamento dos servidores.
Por se tratar de um dinheiro que é do servidor, disponibilizado para pagamento das parcelas de empréstimos consignados, ao reter do servidor e não repassar ao banco, pode caracterizar apropriação indébita, o que caracteriza CRIME.
Vale ressaltar que essa linha de crédito tem juros mais baratos e, quando o servidor não consegue, dependendo da urgência, acaba usando uma outra linha de crédito com juros bem mais altos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: