Prefeito de Ponto Novo: Se eu ganhar você sai, se eu perder sai também. É só pelo voto.

Em pleno ano eleitoral, o prefeito de Ponto Novo, o senhor Tiago Venâncio, numa forte demonstração de desespero, por meio de algumas secretarias, realiza vários contratos obscuros.
 Geração de emprego é uma bandeira que deve ser levantada em todos os governos – municipal, estadual e federal. Mas, o povo tem feito uma análise muito correta e inteligente da postura do gestor municipal. Todos têm percebido que o prefeito está implantando descaradamente o PEE (PROGRAMA EMPREGO ELEITOREIRO). 
 O prefeito ainda tem ferido os princípios constitucionais da administração pública que trata da LEGALIDADE, IMPESSOALIDADE E TRANSPARÊNCIA.
 Perguntas precisam ser respondidas pelo prefeito:
1. Por que essas vagas de empregos só apareceram agora, em 2020, ano político?
2. Qual o processo que selecionou esses servidores?
3. Como serão pagas (receberão diretamente da Prefeitura ou por uma empresa terceirizada?
4. Esses empregos continuarão após as eleições?
5. Por que estão indo às casas de algumas pessoas oferecer emprego?
Para coroar as irregularidades, algumas pessoas contratadas pela pasta da educação não têm formação para atuarem em sala de aula. É prefeito… pode terminar o ano sem fechar as contas e, ainda, respondendo processo eleitoral por usar a máquina pública para comprar votos. E lembre-se: Se receber o precatório, não é para pagar campanha. Os professores estão de olho e nós também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: